Chamada do Kit Elisa Covid-19 IgG, o teste é baseado no método conhecido como ensaio de imunoabsorção enzimática, desenvolvido por pesquisadores da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), o teste recebeu aprovação da Anvisa nesta segunda-feira (4).

O novo teste é rápido e de baixo custo, havendo a detecção das variantes da Covid-19 mais presentes no Brasil e no mundo: as brasileiras (P1, mais conhecida como a variante de Manaus, e P2), a B.1.1.7 (inglesa) e a B.1.351 (africana).

Confira:

Fonte: Agência Brasil

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *