Os representantes Sindicato dos Auditores Fiscais do Trabalho do Estado da Bahia (SAFITEBA) se reuniram com o ministro do Trabalho e Emprego, Luiz Marinho, na tarde de quinta-feira (11), para apresentar as pautas da categoria, em especial a questão do Concurso para Auditores Fiscais do Trabalho (AFTs) e a regulamentação do Bônus de Eficiência. O presidente do SAFITEBA, Edson Alves Braga, registrou que cerca de 50% dos cargos da Inspeção do Trabalho estão vagos. Marinho se comprometeu em realizar o Concurso Público para ampliar o efetivo da Inspeção do Trabalho logo no segundo semestre deste ano.

“Nós, do SAFITEBA, seguiremos pressionando esta nova gestão para o cumprimento dos compromissos firmados com os auditores e com a classe trabalhadora. Sem a Auditoria Fiscal do Trabalho não existe garantia dos direitos dos trabalhadores ” reforçou Braga. 

O encontro ocorreu logo após a posse da nova superintendente Regional do Trabalho da Bahia (STR-BA), Fátima Maria Andrade Freire, na sede da Superintendência. Estiveram presentes nesta reunião, o presidente do SAFITEBA, Edson Alves Braga, e o diretor de Aposentados, Pensionistas, Social e de Comunicação, Nelson Alves Cortes Filho.            

Nova superintendente recebe diretoria do SAFITEBA 

A superintendente já havia  recepcionado o SAFITEBA em reunião ocorrida na quarta-feira (10/05), onde estiveram presentes o presidente do sindicato, Edson Alves Braga, e demais membros da diretoria do sindicato, Mário Diniz, Rivaldo Medeiros Morais, Maria da Conceição Costa Parente e Aneoli Santos Brandão Marchetti. Na oportunidade, foram apresentadas as pautas defendidas pela categoria. Entre elas, a necessidade urgente de realização do Concurso Público para a Inspeção do Trabalho, de ampliação da identificação visual da SRT-BA e do reforço ao apoio administrativo e condições básicas de trabalho  e articulação junto à imprensa na divulgação da atuação dos auditores nas operações de fiscalização e autuações. A nova gestora agradeceu a reunião com o sindicato, se comprometeu em apoiar as demandas apresentadas pelo SAFITEBA e aproveitou para convidar a diretoria para sua posse.

Sindicalistas apoiam a campanha “Sem Auditores Fiscais do Trabalho não existe Trabalho Digno”

Durante a posse na SRT-BA, sindicalistas, AFTs e a nova superintendente Fátima Maria Andrade Freire tiram fotos em apoio à campanha “Sem Auditores Fiscais do Trabalho não existe Trabalho Digno”, promovida pelo SAFITEBA. A campanha tem o objetivo de conquistar a imediata realização de concurso público para AFTs e a criação de novas vagas, junto ao Congresso Nacional, chamando a atenção para o fato de 1.700 dos 3.644 cargos existentes estarem vagos em todo o Brasil. Essa vacância acarreta no crescimento da precarização, do trabalho escravo e trabalho infantil, aumento da informalidade, dos acidentes e doenças ocupacionais e atraso na apuração das denúncias.

Fonte: Bahia Recôncavo

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

X