Ministro do STF vai investigar demora em abertura de impeachment contra Temer

Últimas Notícias
Apenas nove dos dezesseis partidos que compõem o colegiado fizeram indicação de nomes

 

Criado há mais de um ano, mas sem número suficiente de membros, o colegiado responsável por instalar a Comissão do Impeachment do presidente Michel Temer (PMDB) na Câmara será alvo de apuração por parte do ministro Marco Aurélio de Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), que objetiva esclarecer o longo prazo.

Por não terem sequer feito as indicações dos nomes que tratarão a pauta, os deputados poderão ser investigados dentro dos crimes de desobediência e prevaricação. A comissão foi criada em 5 de maio e apenas nove dos dezesseis partidos se movimentaram.

Deixe uma resposta